Aprenda a vender mais e melhor de forma rápida e com menos esforço

O mundo dos negócios é praticamente um campo de batalha. Não à toa, empreendedores de todo globo e de diversas épocas chegam a estudar “A Arte da Guerra” para tirar lições que podem aplicar. O livro é um tratado militar escrito pelo estrategista militar Sun Tzu ainda no século IV a.C. Ao mesmo tempo em que a sabedoria elementar é de grande ajuda para aprimorar seu comércio para vender mais e melhor, é preciso estar atento às teorias mais atuais e contemporâneas. Algumas chegam e ficam, outras não conseguem ter fôlego pra acompanhar as mudanças. Portanto, é preciso ter atenção e um olhar afiado pra saber qual é qual.

Já falamos sobre a importância de um bom treinamento para funcionários, mas mais do que isso, também é importante que você saiba como gerir sua empresa e consequentemente melhorar a sua forma de vender. É essencial estabelecer uma divisão clara de cada etapa do negócio para saber quais pontos se pode melhorar. Sabendo disso, separamos algumas dicas de como vender mais e melhor de forma rápida e com menos esforço. Separamos essas dicas em algumas categorias de forma a compreensão mais simples do conceito. Continue a leitura e fique de olho!

Seu produto é essencial!

A parte mais importante de qualquer ramo de negócio é obviamente o produto ou serviço que ele tem a oferecer. Investir nele e no potencial que ele pode alcançar é a forma mais orgânica e natural de vendê-lo sem dificuldade. Pense comigo: é bem mais fácil vender um produto de qualidade que já se vende por si só do que lutar por um cuja qualidade é duvidosa. Invista nisso!

Construa seu processo de vendas de forma clara

A maneira como você constrói o modelo de vendas do seu negócio é o que pode fazer a diferença entre um sucesso e um desastre. A padronização é claramente uma aliada nessa etapa, ainda mais se trabalhada em conjunto com um processo de vendas bem definido. Um exemplo do que pode ser usado a seu favor é elaborar um guia com as possíveis objeções do cliente e adicionar as possíveis respostas a essas objeções.

Crie um vínculo com seu cliente

Entender as necessidades do seu cliente é uma parte muito importante na hora de vender mais e melhor. Mais que isso, investir nesse vínculo gera uma parceria entre aquele que compra e aquele que vende. Um bom atendimento é essencial. Sabendo disso, procure oferecer um atendimento que transpareça gentileza, cordialidade e que seja bem feito ao mesmo tempo em que gere identificação com o cliente.

Verdade verdadeira

Mentir para o cliente nunca é uma boa ideia. Parece um pensamento óbvio, mas quando se lida diretamente com outras pessoas e é preciso persuadir o outro lado para alcançar seu objetivo (que é vender) não é tão simples. Esse tipo de comportamento pode se provar não só prejudicial para a venda, mas para o seu negócio de forma geral. Use a verdade e a honestidade a seu favor.

Personalize (e humanize) seu atendimento

Independente do segmento de negócio que você pratica, o máximo de um atendimento personalizado que você puder oferecer é bem-vindo. Nem que isso signifique decorar apenas o nome do cliente e qual pedido ele fez. Isso vale para uma rede de fast-food até uma concessionária de carros de luxo. Um tratamento personalizado traz mais humanidade na hora de vender. E fará com o cliente se sinta mais especial.

O cliente tem sempre razão, até quando diz ter razão

Quer saber uma maneira bem fácil de perder uma venda e até mesmo um cliente? Discorde dele. Ainda não foi descoberta uma forma de dizer para alguém parar de falar de forma educada, mas felizmente é possível discordar de uma opinião sem bater de frente com essa pessoa. Caso o seu cliente chegue na loja criticando a marca, o vendedor não é obrigado a concordar, mas o ideal é tentar mostrar que existem outras soluções que podem agradá-lo.

Fidelize seu cliente para vender mais e melhor

Convencer o cliente a voltar faz parte do processo do processo de vendas. Para isso, tão importante quanto realizar a venda é o atendimento dedicado a ele no pós-venda para melhorar a experiência do usuário. Procurar saber a opinião do cliente com relação ao processo de compra e tomar ação com base nessas opiniões é um ponto a ser considerado. Outra forma de fidelizá-lo é manter o estoque pronto para atender a demanda. Um estoque que sempre falta mercadoria não causa uma boa impressão.

No fim das contas, tudo depende de como você vai interagir com os outros. Em um mundo digital, as pessoas anseiam por um contato humano de alguém que as entenda e que tenha um real interesse em ajudá-las. Tenha isso em mente e você já estará a três passos da concorrência!

E aí, gostou das dicas para vender mais e melhor? Deseja compartilhar alguma dica ou experiência relacionada a vendas com a gente? Escreva nos comentários!

  • Compartilhar
content

Você vai se interessar também.

Escreva um comentário

Quer acesso aos conteúdos exclusivos?

Cadastre-se e receba gratuitamente artigos, novidades e dicas.